fbpx

Qual a eficácia dos curativos transparentes para o acesso venoso periférico?

Se você nunca se fez esta indagação muito provavelmente já escutou algum colega o fazendo. Correto?  Para responder ao questionamento sobre a eficácia dos filmes transparentes, os autores Atay S. e Yilmaz Kurt, F., publicaram em junho deste ano, no Journal of Vascular Access, o artigo “Effectiveness of Vascular Access“, com o objetivo subsidiar recomendações baseadas em evidência.

O estudo randomizado controlado acompanhou 110 cateteres periféricos em pacientes internados. Dentre a coleta de dados, a taxa de flebite e tempo de permanência foram um dos indicadores construídos. Os autores concluíram que há benefícios quando as películas são utilizadas. Segundo eles, as películas aumentaram o tempo de permanência dos cateteres e também reduziram as complicações aos pacientes.

De acordo com a revisão “Cochrane review of intravenous dressings to secure peripheral venous catheters”, o acesso venoso periférico pode causar: flebite, infiltração, oclusão e infecção da corrente sanguínea (CRBSI).

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
pt_BR
en_US pt_BR